sábado, 14 de abril de 2018

Mãos Vazias


“Pois ele nos resgatou do domínio das trevas e nos transportou para o Reino do seu Filho amado, em quem temos a redenção, a saber, o perdão dos pecados.”
Colossenses 1:13-14

Quando nos convertemos verdadeiramente e nós entregamos a Cristo pedindo perdão pelos nossos pecados, recebemos a salvação por meio de Jesus Cristo, que nos perdoa e nos limpa de todo pecado.
Nos tornamos assim justificados, não mais escravos do pecado, porém libertos. Nós recebemos a redenção por meio do sacrifico de Cristo Jesus.
Sabemos nós, que todos somos criaturas de Deus, todos fomos criados por Deus, pelo poder de Deus. Mas a partir do momento em que recebemos a redenção por meio do sangue de Cristo Jesus, já não somos mais criaturas, e nos tornamos Filhos.


“Estava no mundo, e o mundo foi feito por ele, e o mundo não o conheceu.
Veio para o que era seu, e os seus não o receberam.
Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;
Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.

João 1:10-13

Agora nos tornamos filhos de Deus, e assim, começamos a viver por Cristo e viver a Cristo. Mas isso é uma coisa muito séria, porque a partir do momento em que nos tornamos filhos de Deus, começamos a carregar o nome de Cristo conosco.
Todo filho carrega o nome do pai, e isso passa de geração em geração, e o nome continua na família por muito tempo. Não é diferente com Cristo Jesus, a partir do momento em que me torno Filho de Deus eu começo a carregar o nome de Cristo e a representar a Cristo onde quer que eu vá e no que quer que eu faça.

“Sabemos que Deus age em todas as coisas para o bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com o seu propósito. Pois aqueles que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, também chamou; aos que chamou, também justificou; aos que justificou, também
glorificou. ”
Romanos 8:28-30

Aprendemos que o senhor nos chama para andar com Ele, que o senhor nos ama e quer que andemos com Ele segundo a tua palavra.
Pois o senhor nos chama para vivermos a sua obra, esse que Ele chamou ele justificou através do seu filho, e os justificados Ele também glorificou.
E isso significa também que não estamos mais debaixo do julgo do pecado, nem somos mais escravos da carne. Porém, somos libertos, e agora vivemos em liberdade.

“Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão.
Gálatas 5:1

“Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.
Romanos 6:14

O pecado já não tem mais domínio sobre nós. Somos salvos e justificados, chamados a viver em santidade com o senhor, que nos libertou desse julgo e nos deu uma nova vida.

Além disso, o senhor tem um propósito em nossas vidas. Ele nos salvou, justificou, nos libertou, e nos chama agora para participarmos de sua glória.
O Senhor nos chama e tem um propósito para cada um de nós.

“Pedro respondeu: ‘’Arrependam-se, e cada um de vocês seja batizado, em nome de Jesus Cristo para perdão dos seus pecados, e receberão o dom do Espírito Santo. Pois a promessa é para vocês, para os seus filhos e para todos os que estão longe, para todos quantos o senhor, nosso Deus, chamar. ’’  
Atos 2:38-39

O senhor nos dá dons e talentos para que possamos usar em sua obra. Derrama sobre nós o seu espirito, para que assim, se cumpra o propósito de Deus em nossas vidas. Para que possamos viver e levar o evangelho, e viver segundo a boa vontade do senhor. 

“O Espírito do Senhor é sobre mim, Pois que me ungiu para evangelizar os pobres. Enviou-me a curar os quebrantados de coração,
A pregar liberdade aos cativos, E restauração da vista aos cegos, A pôr em liberdade os oprimidos, A anunciar o ano aceitável do Senhor.

Lucas 4:18,19

Assim, temos que entender que o Senhor quer nos usar, nos salvou, justificou, nos libertou, derramou seu espirito sobre nós, e quer nos usar.
Não podemos deixar de ser usados, não podemos desperdiçar o sacrifício de Cristo, não podemos deixar de lado a unção recebida pelo Espirito Santo. Não podemos nos esquecer que somos livres, e viver em uma vida constante de santidade e serviço.

“Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.
Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens;
Que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo.
Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.

Efésios 2:10-13

Temos que ter em mente que somos livres e salvos por Cristo e para Cristo. Deixar o mundo que passou para trás e viver agora com o único objetivo, que é servir a Cristo e ser usado.
Viver nas boas obras de Cristo Jesus, usar o que o Senhor nos Deus para abençoar vidas e resgatar almas cativas. Não perder mais meu tempo com outras coisas, e focar totalmente em servir somente a Cristo.

“E sabemos que todas as coisas contribuem juntamente para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.
Romanos 8:28

Por que somos feitos para andar nas Boas obras as quais Deus preparou para que andássemos nelas. Boas obras nas nossas vidas. Vidas com propósitos, e esses propósitos são em Cristo Jesus.

“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.
Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.
Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.
João 15:1-3

Somos chamados para gerar Frutos.
A palavra nos diz que já estamos limpos pela palavra que o Senhor tem nos falado, e nós, como estamos em Cristo temos que dar frutos.

Temos que parar de perder tempo com pecados e sutilezas da carne.
Com desejos e coisas fúteis em nossas vidas, e começar a viver inteiramente para Cristo.
Entender que o que eu tenho é o que o Senhor me deu, e eu preciso usar isso em prol da sua obra.

“Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis então da liberdade para dar ocasião à carne, mas servi-vos uns aos outros pelo amor.
Gálatas 5:13

Se o senhor me deu o dom de cantar, vou usar isso para libertar cativos, se o senhor me deu o dom de falar, vou usar isso para quebrantar corações. Se o senhor me deu o dom de dançar, vou usar para louvar e glorificar a Deus.
Todos temos Dons derramados pelo Espirito Santo, falta somente nos dispormos e sermos usados conforme o propósito da boa obra do Senhor.

“Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus.
Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo.
Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.

Mateus 7:17-20

O senhor nos diz que a arvore que não gera frutos, de nada serve, e assim é lançada no fogo. Temos que ser pessoas que andam com Cristo e gerem Frutos, pois com esses frutos as pessoas vão nos conhecer e consequentemente conhecer a Cristo, o nome que carregamos.

Assim, ao chegar no final, no dia do Juízo, todos estaremos diante do Senhor, e o senhor vai nos cobrar, vai nos perguntar o que fizemos com o Nome de Cristo, vai nos perguntar como usamos os dons que ele nos deu. 

“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.
Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.

Mateus 7:21-23

Naquele dia muitos estarão diante de Deus, falando que fizeram e aconteceram, mas muitos não entraram e não serão conhecidos de Deus.
Só entrará no reino de Deus aquele que fizer a vontade do pai, aquele que andar nas boas obras as quais ele separou para nós, aqueles que usarem os dons recebidos pelo Espirito Santo e viver o propósito de Deus.

Ao chegar Diante de Deus não há mais volta, não há escapatória, aqueles que viveram segundo o Pai será reconhecido como servo bom e fiel, porem aquele que não viver no centro da vontade do pai, não será nem reconhecido.

Assim, o que temos feito em nossas vidas?
Como temos usado o que o senhor tem nos dado?
Estamos atentos ao Senhor, e vivendo no centro de sua vontade?

Vigiemos, pois é chegada a hora, vigiemos para que possamos chegar diante do senhor e apresentarmos nossas obras segundo o Pai e sermos reconhecidos como servos bons e fieis. Vigiemos para que não cheguemos Diante de Deus com nossas Mãos Vazias.

Igreja não é Terapia


“E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.”
Marcos 2:17

Quantos aqui já ouviram as seguintes frases:
“Igreja é lugar de doente”; “Somos todos imperfeitos aqui dentro”; e etc...
Quantos já ouviram frases como ou parecidas com essa ?
Porém o caso é que a igreja não é um lugar de gente doente, a igreja é o lugar de Gente curada

 Pois quando nos convertemos nós mudamos, deixamos de ser o velho homem a passamos a ser uma nova criatura com Cristo Jesus.

“E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou. Assim que daqui por diante a ninguém conhecemos segundo a carne, e, ainda que também tenhamos conhecido Cristo segundo a carne, contudo agora já não o conhecemos deste modo. Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. ”
2 Corintios 5:15-17

A partir do momento em que eu me converto, eu não mais um doente, eu sou um curado.
Cristo me sarou, Cristo me libertou, Cristo me tirou das trevas para luz, ele me fez entender que o que eu vivia antes não importa, pois agora eu estou vivo e sarado.

Paulo fala no texto acima que Cristo morreu por nós para que não vivamos mais para nós mesmos, mas que vivamos para Cristo Jesus. Eis que tudo se fez novo.

“Porque para isto sois chamados; pois também Cristo padeceu por nós, deixando-nos o exemplo, para que sigais as suas pisadas. O qual não cometeu pecado, nem na sua boca se achou engano. 
O qual, quando o injuriavam, não injuriava, e quando padecia não ameaçava, mas entregava-se àquele que julga justamente; Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro, para que, mortos para os pecados, pudéssemos viver para a justiça; e pelas suas feridas fostes sarados.”
1 pedro 2:21-24

Cristo morreu por nós, e pelas suas pisaduras fomos sarados.
É impossível alguém se entregar a Cristo Jesus e continuar doente, e continuar na mesma vida que tinha antes, continuar se lamentando, se lamuriando, chorando suas magoas e viver em eterna tristeza e sofrimento.

Quando nos convertemos temos que passar a viver para Cristo e com Cristo, e não viver mais o EU. Eu não importo mais, as minhas preocupações, os meus problemas, as minhas injurias não importam mais. Devemos levar tudo ao senhor, depositar tudo nEle e viver para ele

“Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.
Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas.
Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve.”

Mateus 11:28-30

As suas preocupações já não são mais suas, as suas injurias já não são mais suas, Devemos tomar sobre nós o julgo do Senhor, aprender o que o Senhor quer de nós, e não o que nós achamos que queremos ou devemos fazer.

O Senhor fala, tomai sobre vós o meu julgo, deixe as suas coisa pra trás, todas as suas preocupações e se entregue ao senhor.



Sua Esperança
Mas o maior problema é que não nos entregamos totalmente ao Senhor.
O nosso problema é que a nossa esperança não está em Cristo Jesus.
Por que existem tantas pregações sobre “Igreja é lugar de Doente”?
Por que existem tantas pessoas doentes ainda dentro da igreja?

O problema é que as pessoas não querem entregar suas preocupações, suas vidas por inteiro a Cristo Jesus. A esperança delas ainda esta nessa terra, a esperança delas ainda é Meu Carro, meu Emprego, Minha prosperidade aqui na terra, meus bens, minha saúde financeira, meu bem estar, mas sua esperança nunca é cristo Jesus.

Se esperamos em Cristo só nesta vida, somos os mais miseráveis de todos os homens.”

1 corintios 15:19

Hoje em dia as pessoas vão pra igreja afim de alcançar seus objetivos, seus próprios meios, e usam a Jesus como um meio de chegar a um final.
Hoje as igrejas estão tratando esses doentes, por que eles não foram libertos ainda por Cristo jesus, hoje as pessoas estão com os egos inflados pois acham que tudo é para elas, que Cristo vai me abençoar, que Cristo vai me dar, que Cristo vai fazer.

Mas se esquecem que a minha esperança não é essa terra, minha esperança é a Ressurreição com Cristo Jesus.

“Se, como homem, combati em Éfeso contra as bestas, que me aproveita isso, se os mortos não ressuscitam? Comamos e bebamos, que amanhã morreremos.”

1 Coríntios 15:32

As igrejas funcionam como uma eterna terapia, e as pessoas são eternos doentes.
Igreja é lugar de gente curada, lugar onde o evangelho é pregado, onde Cristo é pregado.

Porém, hoje em dia as igrejas e as pessoas estão dando tanto valor aos homens, tanto valor aos nossos problemas, tanto valor ao que passamos, que acabamos perdendo o nosso foco.

 Hoje só se ouve falar em meus problemas, em minhas angustias, e o foco é sempre eu, onde eu vou alcançar a libertação, eu vou alcançar a vitória, eu e eu e eu...
Cristo já me libertou, Cristo já me curou, Cristo já nos Salvou!
A partir do momento em que o meu foco não é Cristo Jesus, eu começo a viver por mim mesmo, e anunciar a mim mesmo. Porém eu tenho que entender que eu não vivo mais o Eu, eu vivo a Cristo Jesus.

A minha vida não tem que espelhar os meus problemas, ou as minhas preocupações, ou os meus ganhos e mi
nhas vitórias na terra, ou as bênçãos que eu ganhei. A minha vida não tem que refletir a mim mesmo, a minha vida tem que refletir a Cristo Jesus.

“Porque eu, pela lei, estou morto para a lei, para viver para Deus. Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a pela fé do Filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim.”
Galatas 2:19-20

Temos que entender que nós vivemos Cristo Jesus.
Eu não tenho que pregar sobre minhas vitorias, sobre minha benção ou sobre o que Deus vai ou não fazer na minha vida. O foco não sou eu, o Foco é Cristo.

Eu tenho que viver e pregar as vitórias de Cristo, a ressurreição de Cristo, as palavras de Cristo. Tenho que viver essas palavras, e as vitórias de Cristo, não as minhas vitórias.
Pois se eu não vivo a cristo e não prego a cristo, eu prego a mim mesmo.

Se eu prego a mim mesmo eu continuo doente, pois não consigo ver que Cristo me libertou

“E disse-me: A minha graça te basta, porque o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, me gloriarei nas minhas fraquezas, para que em mim habite o poder de Cristo.
Por isso sinto prazer nas fraquezas, nas injúrias, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias por amor de Cristo. Porque quando estou fraco então sou forte.”
2 coríntios 12:9-10

Quando eu sou fraco eu sou forte, por que não demonstro a mim mesmo, mas a Cristo Jesus. Eu não vou atrás de pregações sobre vitória na minha vida e nem prego sobre isso.
Eu entendo que Cristo me salvou e prego as vitórias de Cristo, as proezas de Cristo não as minhas.

Não vou mas me lamentar e procurar cristo pra satisfazer as minhas necessidades, pois eu vivo a Cristo agora. E se eu sou fraco, ai é que eu fico forte, pois se eu sou fraco, e demonstro a Cristo e não a mim mesmo.

Eu posso ser fraco, passar por problemas, mas o que eu demonstro não são os meus problemas e aflições, o que eu demonstro é Cristo em minha vida, trabalhando em mim.
 “Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça.”
Romanos 6:14

Assim, não vou mais atrás de Cristo somente para conseguir o que eu quero.
Não vou mas procurar a cristo nos momentos de necessidade, quando preciso de um emprego, quando minha namorada terminou comigo, quando eu to com dificuldades na família, ou problemas financeiros. Agora eu entendo que eu já estou com Cristo, nenhum desses problemas importa pra mim, e não vou atrás de cura pra esses problemas, eu vou atrás de Cristo Jesus.

Eu a partir de agora entendo que não sou doente, sou curado.
Sou fraco, mas eu reflito a Cristo Jesus.
Não sou pecado, sou justiicado.

 E o mais importante é que entendo que a minha esperança não é nessa terra, a minha esperança e a ressurreição com Cristo Jesus.


quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

Minhas Obras


“E ao anjo da igreja que está em Sardes escreve: Isto diz o que tem os sete espíritos de Deus, e as sete estrelas: Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto.

Sê vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer; porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus.
Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei.”
Apocalipse 3:1-3

Vimos que devemos nos apresentar diante do senhor com as nossas obras aprováveis diante dEle. O Senhor nos chama para sua obra, para fazer parte da sua vontade, vivendo segundo o seu querer, e isso é fazer as Obras

E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados,
Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência; Entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também.
Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou,
Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;
Para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da sua graça pela sua benignidade para conosco em Cristo Jesus.
Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

Efésios 2:1-10

O Senhor nos vivificou, nos deu uma nova vida, nos sarou, nos salvou, nós, que estávamos mortos, vivendo pelo curso desse mundo. Nós que antes éramos perdidos, agora somos salvos, nós que antes vivíamos em pecado, agora somos transformados.
Todos fomos salvos por teu amor, que como cantamos, não é ganho nem merecido, mas é dado pela Graça. Pela graça somos salvos, pelo amor de Deus.

“Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo? E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e nào lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí?
Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma.
Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras.”
Tiago 2:14-18

“Porque, assim como o corpo sem o espírito está morto, assim também a fé sem obras é morta.”
Tiago 2:26

Temos que entender duas coisas fundamentais na nossa vida.
A primeira é que somos salvos pela graça, isso não vem da gente, nada do que façamos ou deixarmos de fazer vai mudar isso. Não é esforço meu, não é mérito meu, é pura e simples Graça de Cristo Jesus em nossas vidas.

“Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome; Os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.”
João 1:12,13

A segunda coisa que temos que entender é que a nossa Fé, sem as obras é completamente morta. Temos que entender que nós somos feitos para as Obras, o Senhor nos chamou para as Obras.

Em Efésios lemos que fomos feitos de Deus para as boas obras as quais o Senhor preparou. Somos chamados para realizar a Obra de Cristo Jesus.
Não obras que me gloriem, não obras que eu acho que estão certas, não obras de ações sociais, ou ser bonzinho, mas Obras que nascem do coração do Senhor.
Quando nos convertemos, nós nascemos de novo, “As coisas velhas já passaram, eis que tudo se fez novo”. E esse tudo se fez novo, é tudo por completo, todo o meu eu muda por completo. Meu Jeito de agir, de falar, de ser, meu pensamento e principalmente meu atos.

“Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus.”
1 Coríntios 10:31

Assim, quando Paulo fala que tudo que nos fazemos, temos que fazer para a gloria do Senhor, ele está dizendo para vivermos por inteiro a Cristo Jesus. Que a partir do meu nascer de novo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim, tudo que eu faço é movido por ele, é para ele.
Quando nos convertemos verdadeiramente, o Senhor nos move a mudança, o Senhor nos move a sair da inercia, o nosso coração queima, e esse fogo gera em nós uma ação. 

“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o lavrador.  Toda vara em mim que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.  Vós já estais limpos pela palavra que vos tenho falado.  Estai em mim, e eu, em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim.  Eu sou a videira, vós, as varas; quem está em mim, e eu nele, este dá muito fruto, porque sem mim nada podereis fazer.  Se alguém não estiver em mim, será lançado fora, como a vara, e secará; e os colhem e lançam no fogo, e ardem.  Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.  Nisto é glorificado meu Pai: que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos. ”
João 15:1-8

Assim vemos que é do Senhor que surgem as Obras, desse queimar, desse prazer, desse sentimento de fazer algo, Tudo vem do Senhor, tanto o Querer quanto o Realizar, vem dEle, pois ele nos transformou. Assim, começamos a produzir frutos, e obras para honra e gloria do Senhor. Somos como as videiras que geram frutos por que estão ligadas em Cristo Jesus.

“E Pedro e João subiam juntos ao templo à hora da oração, a nona. E era trazido um homem que desde o ventre de sua mãe era coxo, o qual todos os dias punham à porta do templo, chamada Formosa, para pedir esmola aos que entravam. O qual, vendo a Pedro e a João que iam entrando no templo, pediu que lhe dessem uma esmola.
E Pedro, com João, fitando os olhos nele, disse: Olha para nós. E olhou para eles, esperando receber deles alguma coisa. E disse Pedro: Não tenho prata nem ouro; mas o que tenho isso te dou. Em nome de Jesus Cristo, o Nazareno, levanta-te e anda. E, tomando-o pela mão direita, o levantou, e logo os seus pés e artelhos se firmaram. E, saltando ele, pôs-se em pé, e andou, e entrou com eles no templo, andando, e saltando, e louvando a Deus. E todo o povo o viu andar e louvar a Deus;”
Atos 3:1-9

Pedro e João eram desses, que andaram com Jesus, viveram e viram milagres, e mesmo depois que Jesus foi embora, subiu aos céus, o coração deles não parou de queimar, eles não pararam de andar com Cristo Jesus, não pararam de Realizar a obra que o Senhor os chamou a fazer.

E quando foram parados por um coxo, questionados sobre o que poderiam dar, Pedro dá o que ele tinha de mais valor, Pedro da Cristo Jesus aquele coxo. Pedro realiza a obra para qual foi chamado, ele não tinha prata, nem ouro, mas não deixou aquele coxo desamparado, mas deu a ele a Cura em Nome de Jesus.

E assim devemos ser nós, assim devem ser nossos corações, sempre atentos a ouvir a voz do Senhor, sempre atentos a sua obra, pros seus caminhos, pra onde o Senhor que nos levar e o que ele quer fazer.

“Não crês tu que eu estou no Pai, e que o Pai está em mim? As palavras que eu vos digo não as digo de mim mesmo, mas o Pai, que está em mim, é quem faz as obras.
Crede-me que estou no Pai, e o Pai em mim; crede-me, ao menos, por causa das mesmas obras.
Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim também fará as obras que eu faço, e as fará maiores do que estas, porque eu vou para meu Pai.
E tudo quanto pedirdes em meu nome eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho.”
João 14:10-13

Jesus nos diz, que quem crer nele, obras maiores fará. Jesus mesmo diz que as palavras que ele fala não vinham dele, mas do Pai, as obras que ele fazia, vinham do pai. Assim como nós, tudo o que fazer, fazei para glorificar a Cristo, tudo o quanto fazer, que não venha de você, mas venha de Cristo Jesus.

Mas temos que entender isso, Temos que estar em Cristo Jesus, temos de ser com ele, firmado nele, para obras maiores realizar.

 “Acautelai-vos, porém, dos falsos profetas, que vêm até vós vestidos como ovelhas, mas, interiormente, são lobos devoradores. Por seus frutos os conhecereis. Porventura colhem-se uvas dos espinheiros, ou figos dos abrolhos? Assim, toda a árvore boa produz bons frutos, e toda a árvore má produz frutos maus. Não pode a árvore boa dar maus frutos; nem a árvore má dar frutos bons.
Toda a árvore que não dá bom fruto corta-se e lança-se no fogo. Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.
Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? e em teu nome não expulsamos demônios? e em teu nome não fizemos muitas maravilhas?
E então lhes direi abertamente: Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade. Todo aquele, pois, que escuta estas minhas palavras, e as pratica, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a rocha; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e não caiu, porque estava edificada sobre a rocha.
E aquele que ouve estas minhas palavras, e não as cumpre, compará-lo-ei ao homem insensato, que edificou a sua casa sobre a areia; E desceu a chuva, e correram rios, e assopraram ventos, e combateram aquela casa, e caiu, e foi grande a sua queda.”
Mateus 7:15-26

Jesus diz claramente que pelos seus frutos conhecereis a arvore. Toda arvore que gera bons frutos está em Cristo Jesus, assim como Tiago fala, eu te mostro as minhas obras e você vai conhecer a minha fé, que é Cristo Jesus.
Agora, aqueles que não produzem bons frutos, são lançados fora na fornalha, na fogueira, pois não servem pra nada, por que esses não estão no Senhor.

Nem todos que dizem “Senhor Senhor” entrarão no reino dos Céus.
Pois esses que dizem que profetizaram, que oraram, que fizeram isso e aquilo, fizeram por amor a sí próprio, fizeram por egoísmo, fizeram por orgulho, e esses não tem parte com o Senhor.
Esses não são como o homem prudente, baseado na rocha que é Cristo Jesus, mas esses são baseados em preceitos do Mundo, na areia, e se perdem por não gerar frutos e não servem para nada.

 “Assim, pois, amados meus, como sempre obedecestes, não só na minha presença, porém, muito mais agora, na minha ausência, desenvolvei a vossa salvação com temor e tremor; porque Deus é quem efetua em vós tanto o querer como o realizar, segundo a sua boa vontade. Fazei tudo sem murmurações nem contendas, para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo, preservando a palavra da vida, para que, no Dia de Cristo, eu me glorie de que não corri em vão, nem me esforcei inutilmente. ”
Filipenses 2:12-16

Assim irmão, temos que entender que o nosso Querer e o nosso Realizar vem do Senhor. É nEle que temos que viver, é nEle que temos que agir, é através dEle que somos salvos, por Ele nos somos restaurados, e para Ele somos chamados a fazer a boa obra. Para que no final, possamos chegar em sua presença e ouvir “Servo bom e Fiel, entra no gozo do teu Senhor”.

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

Todo Cristão ou é um missionário ou é um impostor

“Todo cristão ou é um missionário ou um impostor”
C.H.Spurgeon 

E vos vivificou, estando vós mortos em ofensas e pecados,
Em que noutro tempo andastes segundo o curso deste mundo, segundo o príncipe das potestades do ar, do espírito que agora opera nos filhos da desobediência; Entre os quais todos nós também antes andávamos nos desejos da nossa carne, fazendo a vontade da carne e dos pensamentos; e éramos por natureza filhos da ira, como os outros também.
Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com que nos amou,
Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente com Cristo (pela graça sois salvos), E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, em Cristo Jesus;
Para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da sua graça pela sua benignidade para conosco em Cristo Jesus.
Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

Efésios 2:1-10

Quando nos convertemos ao senhor, nossa vida completamente, deixamos tudo para trás, e somos vivificados pela misericórdia de Cristo. Somos salvos pela Graça de Deus, e agora nós não andamos mais pelos desejos da carne e sim para as boas obras de Cristo Jesus.

Todo Cristão ou é um missionário ou é um impostor por que para nós Deus tem que ser o centro de tudo nas nossas vidas. Se Deus é o nosso centro, e é a coisa mais preciosa em nossas vidas, nós não seremos capaz de guardar as boas novas para nós mesmos, seu coração falara e seus olhos brilharão enquanto você fala. Você mudara o seu jeito de agir por completo, começaremos a refletir o Senhor através das nossas vidas

Mas, quando se converterem ao Senhor, então o véu se tirará.
Ora, o Senhor é o Espírito; e onde está o Espírito do Senhor, aí há liberdade.
Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.
2 Coríntios 3:16-18

Além disso, nós somos movidos por esse amor, e por esse querer de anunciar o amor de Cristo, e esse movimento em nós é o que gera as obras, esse querer é o que nos muda, e somos movidos a realizar as coisas por amor a cristo.

Meus irmãos, que aproveita se alguém disser que tem fé, e não tiver as obras? Porventura a fé pode salvá-lo? E, se o irmão ou a irmã estiverem nus, e tiverem falta de mantimento quotidiano, E algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquentai-vos, e fartai-vos; e nào lhes derdes as coisas necessárias para o corpo, que proveito virá daí?
Assim também a fé, se não tiver as obras, é morta em si mesma.
Mas dirá alguém: Tu tens a fé, e eu tenho as obras; mostra-me a tua fé sem as tuas obras, e eu te mostrarei a minha fé pelas minhas obras.
Tiago 2:14-18

É o que Paulo fala em Efésios, que nós somos feitos para as boas obras de Cristo, e o amor por ele nos move a andar nessas boas obras, nos move a realizar com o nosso querer as obras de Cristo para abençoar vidas.

Em nossas caminhadas conhecemos pessoas que compartilham desse sentimento conosco, que amam tanto a Cristo Jesus que não podiam ficar paradas, e onde estavam começaram a se movimentar e o Senhor os chamou para realizar obras em outros lugares, onde eles eram necessários.

Homero
Homero é um Brasileiro que recebeu o chamado do senhor para ir ajudar a igreja na Jordânia.
Ele tem um projeto com a igreja local lá, ajudando as vítimas da guerra e do estado islâmico.
Ele também tem projetos de discipulado, de evangelho nas casas, de promover mantimentos para os que necessitam e planta igrejas também pela Jordânia.
Tem um projeto de ajuda também, levando atendimento médico aos que precisam, um projeto de ação social onde promove empregos aos que são refugiados, e ao mesmo tempo realiza discipulados e cultos com crianças, adultos, jovens e adolescentes.
Ele saiu do Brasil bem jovem com sua esposa Debora e seu filho Atos, e hoje tem um projeto na Jordânia.

Kalenio
Kalenio é outro pastor que largou tudo e foi atender ao chamado de Deus na África.
Ele tinha vários projetos no Brasil, ajudando a famílias brasileiras com discipulado e mantimento, plantando igrejas e realizando movimentos.

Ele se instalou na África, em Moçambique, há 3 anos, e constituiu um projeto lá, onde ele faz a base com discipulado, ajuda e igreja. Ele ajuda os moradores de lá, levando atendimento médico aos que precisam, ao mesmo tempo levando a palavra e o discipulado.

Trabalha com famílias, jovens, adolescentes e adultos, faz cultos e projetos, e está começando um novo projeto em um novo vilarejo em Moçambique, chamado Quinga.
Onde o povo de lá só fala em dialeto, ele vai construir uma base para eles, formando uma escola, onde irá alfabetizar, ensinar, e evangelizar as crianças daquele local.
Além de ajudar as famílias que lá moram.

Essas são experiências que tivemos com pessoas que compartilham desse amor e dessa vontade de realizar a obra, onde pudemos participar dessa obra, ajudar, realizar a transformar vidas através da palavra, onde cada atitude que realizávamos, cada palavra que dizíamos, refletiam o Amor de Cristo, mostravam a Cristo, e as pessoas podiam identificar a Cristo Jesus em cada ato.



Qual a nossa posição
É ai que entra a parte do impostor. Qual tem sido a minha relação com o senhor, como tem sido a minha vida em relação ao senhor? Como eu tenho agido, como tem sido a minha posição?

“Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo.
E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas.
As loucas, tomando as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo.
Mas as prudentes levaram azeite em suas vasilhas, com as suas lâmpadas.
E, tardando o esposo, tosquenejaram todas, e adormeceram.
Mas à meia-noite ouviu-se um clamor: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro.
Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas.
E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas se apagam. Mas as prudentes responderam, dizendo: Não seja caso que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós.
E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta.
E depois chegaram também as outras virgens, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos.
E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que vos não conheço.
Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir.
Mateus 25:1-13

O fato é, o reino dos Céus é como as 10 virgens, um fato é que essas virgens não eram as 10 esposas, por que o noivo não iria casar com as 10 mulheres, mas elas eram as madrinhas do casamento, se preparando e cuidando de tudo para que a noiva chegasse e o casamento acontecesse.

Logo, as 5 imprudentes eram aquelas que não davam a devida importância para o matrimonio ou para o casório, e as outras 5 eram aquelas que estavam sempre cuidando de tudo para que tudo fosse perfeito.
Logo, na visão atual, a igreja é assim. Devemos lembrar que as 10 virgens são a igreja, todas elas constituem a igreja, não são 5 a igreja e 5 do mundo, as 10 são a igreja de Cristo. Porém só 5 delas realmente deram a devida importância para sua vida com Deus.
O estar cheio de azeite, é se encher de cristo jesus, é ser cheio do espirito santo, e entender que somos todos missionários, todos nós somos escolhidos para levar o reino a sério, entender que o senhor nos criou para viver a sua boa vontade, e levar a cristo a todos que precisam, através de nossas vidas.


“E ao anjo da igreja que está em Sardes escreve: Isto diz o que tem os sete espíritos de Deus, e as sete estrelas: Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto.
Sê vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer; porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus.
Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei.”

Apocalipse 3:1-3

Assim precisamos entender que todos somos missionários, todos somos chamados para viver por completo com o Senhor, viver seu evangelho por completo, anunciar e realizar o IDE. O senhor nos fala, jovens, eu vos escolhi por que são fortes, a palavra de Deus vive em nós e nós já vencemos o maligno.

O Senhor tem nos chamado não para ficar parados, mas para anunciar as boas obras de Cristo, e tem aberto portas para muitos, levando-os as nações.

Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus.
Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

Efésios 2:9-10

domingo, 12 de novembro de 2017

O Estado da Igreja de Cristo

Hoje em dia podemos ver a apostasia crescendo de maneira incontrolável, o mundo está cada vez pior, pessoas sendo enganadas e sendo levadas por seus prazeres, não tendo rumo, seguindo a ideologias horrorosas e realizando atos desprezíveis. Estão trocando o certo pelo errado, e o errado pelo certo.
Muito está ocorrendo também no mundo, pessoas assassinando outras pessoas por prazer, chacinas e mais chacinas, terremotos e furacões devastam as cidades, as aguas do mar chegam a recuar, cidades são evacuadas, pessoas morrendo, cristãos sendo perseguidos, e tudo isso nos dias de hoje.

“E Jesus, respondendo, disse-lhes: Acautelai-vos, que ninguém vos engane;
Porque muitos virão em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo; e enganarão a muitos.
E ouvireis de guerras e de rumores de guerras; olhai, não vos assusteis, porque é mister que isso tudo aconteça, mas ainda não é o fim.
Porquanto se levantará nação contra nação, e reino contra reino, e haverá fomes, e pestes, e terremotos, em vários lugares.
Mas todas estas coisas são o princípio de dores. Então vos hão de entregar para serdes atormentados, e matar-vosão; e sereis odiados de todas as nações por causa do meu nome. Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarào. E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. Mas aquele que perseverar até ao fim, esse será salvo. E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim. Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, entenda;”
Mateus 24:4-15

Esses são os sinais que Jesus anunciou, dizendo que essas coisas anunciam a sua volta, e anunciam o fim dos tempos. Anunciam que o Senhor está à porta.

“Aprendei, pois, esta parábola da figueira: Quando já os seus ramos se tornam tenros e brotam folhas, sabeis que está próximo o verão.
Igualmente, quando virdes todas estas coisas, sabei que ele está próximo, às portas.
Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas estas coisas aconteçam. O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não hão de passar.”
Mateus 24:32-35

Como você age?
Lendo Mateus e ver acontecer tantas coisas, qual o seu posicionamento ? Como você age diante desse cenário? Qual a sua opinião sobre isso ? O que devemos fazer, ou então, melhor, devemos fazer alguma coisa?

“Ora, irmãos, rogamo-vos, pela vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, e pela nossa reunião com ele, Que não vos movais facilmente do vosso entendimento, nem vos perturbeis, quer por espírito, quer por palavra, quer por epístola, como de nós, como se o dia de Cristo estivesse já perto.
Ninguém de maneira alguma vos engane; porque não será assim sem que antes venha a apostasia, e se manifeste o homem do pecado, o filho da perdição,
O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.
Não vos lembrais de que estas coisas vos dizia quando ainda estava convosco?
E agora vós sabeis o que o detém, para que a seu próprio tempo seja manifestado.
Porque já o mistério da injustiça opera; somente há um que agora o retém até que do meio seja tirado;”
2 Tessalonicenses 2:1-7

Paulo fala que Cristo só irá retornar depois que essas coisas acontecerem, depois que o filho da perdição se revelar, o anticristo, e só após o espirito santo deixar de agir.
(Obs: não confundir o principio das dores com o dia de cristo. O principio das dores é a pré chegada de cristo, o dia de Cristo é a vinda dele em poder e glória.)

Assim, vemos que a única coisa que ainda detém o anticristo e tarda o dia de Cristo é o espirito santo, nos dando a chance de entender que os dias são finais, que Jesus está voltando e devemos vigiar.
Jesus virá como um ladrão a noite, ele virá e buscara a sua igreja, o mistério da injustiça já está sendo operado, e quando o senhor voltar, o fim ira chegar, o anticristo ira reinar, e o espirito santo ira se retirar.


Qual a sua posição?
Jesus nos anunciou os sinais da sua vinda, Paulo nos orientou a encher-nos do Espirito Santo e não deixar ser levado pelo mundo, a vigiar pois os dias são maus. Sendo assim, qual a sua posição, você está atendo e vigilante, está cheio do espirito santo, ou está dormindo, embriagado com o mundo?

Pra vocês, o que significa o Dormir? O se embriagar? O que significa não estar atento e vigiando, na vida pratica, como podemos identificar isso?

“Por isso diz: Desperta, tu que dormes, e levanta-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá. Portanto, vede prudentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, Remindo o tempo; porquanto os dias são maus.
Por isso não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor.
E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito;”
Efésios 5:14-18

Paulo nos dá um grande alerta nesse trecho da carta ao Efésios, ele já começa dizendo: Desperta, tu que dormes, levante-te dentre os mortos, e Cristo te esclarecerá.
Paulo nessa passagem vai muito além do que o nascer de novo, muito além do que “Antes vocês eram mortos, agora vocês são novas criaturas em Cristo Jesus”. Não, nesse trecho Paulo fala para você e para mim, a igreja de Cristo, ele fala para você que já se converteu, que já nasceu de novo, você que já está salvo, você, desperta!

Quando ele fala que estamos dormindo, ele quer dizer que estamos completamente no mundo. Aqueles que estão dormindo significam que estão mortos, no mundo, e precisam despertar.

Quando Paulo diz para sermos sóbrios e sensatos, ele está dizendo para fazermos a diferença nesse mundo. Fazer a diferença no reino de Cristo, por que se eu não fizer a mínima diferença no reino, eu sou um insensato embriagado com esse mundo.

“Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo.
E cinco delas eram prudentes, e cinco loucas.
As loucas, tomando as suas lâmpadas, não levaram azeite consigo.
Mas as prudentes levaram azeite em suas vasilhas, com as suas lâmpadas.
E, tardando o esposo, tosquenejaram todas, e adormeceram.
Mas à meia-noite ouviu-se um clamor: Aí vem o esposo, saí-lhe ao encontro.
Então todas aquelas virgens se levantaram, e prepararam as suas lâmpadas.
E as loucas disseram às prudentes: Dai-nos do vosso azeite, porque as nossas lâmpadas se apagam. Mas as prudentes responderam, dizendo: Não seja caso que nos falte a nós e a vós, ide antes aos que o vendem, e comprai-o para vós.
E, tendo elas ido comprá-lo, chegou o esposo, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas, e fechou-se a porta.
E depois chegaram também as outras virgens, dizendo: Senhor, Senhor, abre-nos.
E ele, respondendo, disse: Em verdade vos digo que vos não conheço.
Vigiai, pois, porque não sabeis o dia nem a hora em que o Filho do homem há de vir.
Mateus 25:1-13

Assim é a Igreja em Relação a Cristo Jesus, somos como as 10 virgens, todos nós somos salvos, somos a noiva de cristo, a Igreja de Cristo. Porém existem aquelas que não vigiaram, não foram prudentes, se deixaram levar por conceitos e pelo mundo, e não se encheram do espirito santo, como Paulo recomenda.

O estar cheio de azeite, é se encher de cristo jesus, é ser cheio do espirito santo, todos os dias nós lermos a bíblia, se encher de Cristo, e não perder esse habito, e não deixar que o nosso azeite diminua ou acabe. Isso que o azeite significa em nossas vidas.

"á entrei no meu jardim, minha irmã, minha esposa; colhi a minha mirra com a minha especiaria, comi o meu favo com o meu mel, bebi o meu vinho com o meu leite; comei, amigos, bebei abundantemente, ó amados.
Eu dormia, mas o meu coração velava; e eis a voz do meu amado que está batendo: abre-me, minha irmã, meu amor, pomba minha, imaculada minha, porque a minha cabeça está cheia de orvalho, os meus cabelos das gotas da noite.
Já despi a minha roupa; como a tornarei a vestir? Já lavei os meus pés; como os tornarei a sujar?
O meu amado pôs a sua mão pela fresta da porta, e as minhas entranhas estremeceram por amor dele.
Eu me levantei para abrir ao meu amado, e as minhas mãos gotejavam mirra, e os meus dedos mirra com doce aroma, sobre as aldravas da fechadura.
Eu abri ao meu amado, mas já o meu amado tinha se retirado, e tinha ido; a minha alma desfaleceu quando ele falou; busquei-o e não o achei, chamei-o e não me respondeu."
Cânticos 5:1-6

Esse texto é muito rico e importante, assim como no texto o noivo está chamando a noiva, o senhor chama a nós. No texto, o noivo diz que seus cabelos já estão molhados com o orvalho, significando que ele está ali parado esperando a noiva por um tempo. Porém, a noiva se recusa a sair de casa e atender ao noivo, ela diz que já se lavou e já se arrumou, como ela pode sair de novo? Como ela pode atender ao chamado do noivo sendo que já está limpa e arrumada.

Assim o noivo coloca sua mão na maçaneta e o coração da noiva se estremece, porém quando ela vai atende-lo, ele já não se encontra lá.

Não devemos ser como essa noiva, resistir a Cristo, não atendendo ao seu chamado, a sua vontade, se sentindo confortável onde está. Temos que estar dispostos e vigiantes, pois o noivo já está chamando.

Nos dias de hoje, o noivo está a chamar, e devemos levantar e ascender a lâmpada, e só é possível ascender se ela estiver com azeite. Precisamos estar cheios de azeite, e não se preocupar em levantar para ascender a lâmpada.

Por que a igreja de hoje está mais preocupada com os elogios do mundo e os padrões do mundo (já me arrumei, já me lavei), que não quer levantar e ascender a sua lâmpada.

“Mas, irmãos, acerca dos tempos e das estações, não necessitais de que se vos escreva;
Porque vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como o ladrão de noite;
Pois que, quando disserem: Há paz e segurança, então lhes sobrevirá repentina destruição, como as dores de parto àquela que está grávida, e de modo nenhum escaparão. Mas vós, irmãos, já não estais em trevas, para que aquele dia vos surpreenda como um ladrão; Porque todos vós sois filhos da luz e filhos do dia; nós não somos da noite nem das trevas. Não durmamos, pois, como os demais, mas vigiemos, e sejamos sóbrios; Porque os que dormem, dormem de noite, e os que se embebedam, embebedam-se de noite. Mas nós, que somos do dia, sejamos sóbrios, vestindo-nos da couraça da fé e do amor, e tendo por capacete a esperança da salvação; Porque Deus não nos destinou para a ira, mas para a aquisição da salvação, por nosso Senhor Jesus Cristo, Que morreu por nós, para que, quer vigiemos, quer durmamos, vivamos juntamente com ele. Por isso exortai-vos uns aos outros, e edificai-vos uns aos outros, como também o fazeis.”
1 Tessalonicenses 5:1-11

Novamente Paulo nos aleta sobre o nosso estado. Quando o senhor vier, nós não podemos estar dormindo, não podemos levar um susto com a sua chegada, não podemos ser pegos de surpresa. Paulo nos diz que já não estamos mais em trevas, estamos na luz, e devemos ser sóbrios.

O dormir significa estar morto, andar no mundo, aqueles que dormem estão no mundo. Assim, dormir significa que estamos completamente longe de Cristo.

Significa que estamos nos preocupando com coisas do mundo, onde o nosso maior objetivo é nos formar, ter um diploma, ter um emprego, um relacionamento, a coisa que eu mais preso é o meu status na sociedade, é o que pensam de mim, são as minhas riquezas e o que eu posso comprar com essas riquezas.

“E ao anjo da igreja que está em Sardes escreve: Isto diz o que tem os sete espíritos de Deus, e as sete estrelas: Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto.
Sê vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer; porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus.
Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei.”
Apocalipse 3:1-3

Devemos ser vigilantes, lembrar sempre do que temos aprendido, guardar a palavra de Cristo e realizar a sua vontade, para que no final nós possamos ser as virgens prudentes, com as obras agradáveis diante do senhor, e não as néscias, que dormiram e suas obras não agradaram a Deus.

Quando em apocalipse fala de “Conheço as tuas obras”, está se referindo aqueles que se guardaram e foram salvos, os que acordaram, os que não se embriagaram, os que fizeram diferença no reino de Deus, aqueles que aceitaram o que o senhor lhes propôs e foram a frente. E também se refere a aqueles que mesmo não agindo, guardaram o seu azeite, e se encheram do espirito santo até o final das suas vidas.

Então o que dorme é aquele que está no mundo, o que se embriaga é o que preocupa-se mais com o mundo do que com Cristo, e as virgens imprudentes são aquelas que não se enchem do espirito santo com leitura da bíblia e oração.
Não podemos perder a capacidade de nos encher sempre do azeite, do espirito santo, e devemos fazer a diferença.

E você, que tipo você tem sido?